Com certeza você já ouviu alguém dizer que o futuro é online. E é! E o futuro de muitas empresas é se tornarem um negócio digital.

Estamos em tempos de inovação. Com a pandemia, muitas pessoas perderam seus empregos e terão que se reinventar, mudar, sair da zona de conforto e fazer algo novo.

Futuramente, muitas lojas físicas vão virar e-commerces, muitas salas de aula serão substituídas por uma sala virtual e diversos serviços serão prestados remotamente.

Além disso, com os avanços da tecnologia, a previsão é que muitas profissões deixem de existir com o passar do tempo.

Você já pensou em ter um negócio digital? Talvez um curso online, uma loja virtual ou quem sabe um livro digital.

Que tal começar a empreender? E o melhor: em um modelo de negócio que pode crescer muito.

Caso você já tenha uma ideia mas ainda esteja perdido, esse post vai te ajudar a começar seu negócio digital do zero.

Para ter seu negócio digital, você vai precisar de algumas coisas, mas não se preocupe! Você não precisa ter muito dinheiro. Pelo contrário: é possível começar gastando muito pouco!

Planejamento e organização

O primeiro passo é planejar. Se organizar financeiramente, ver tudo o que você vai precisar e pesquisar bastante.

Vai precisar de um site próprio? Ou vai optar por uma plataforma terceirizada? Vai precisar de algum programa de edição de imagem ou vídeo?

Pesquise as pessoas que tem negócios similares aos seus, veja o que elas fazem, o que oferecem, pense no que você poderia fazer diferente, etc.

Ou seja: essa é a fase de pensar em tudo.

Claro que depois você pode mudar de ideia, mas ter uma estrutura em mente é essencial e vamos ver como fazer isso a seguir.

Estrutura do negócio

Algumas ferramentas podem te ajudar. Vou te mostrar algumas.

Canvas

canva para negócio digital

O Canvas é uma ferramenta de empreendedorismo para planejamento! Ele vai te ajudar a ter uma visão geral da empresa e pode esclarecer muitas coisas na hora de tomar decisões, além de garantir que você vai pensar em tudo antes de começar.

Claro que você pode mudar as coisas depois, caso veja que algo não está bom. Use post-its, canetas coloridas, coisas que chamem a atenção e facilitem a visualização.

Campos:

Parcerias principais: Aqui você vai pensar em empresas e pessoas que você pode fazer parcerias. Pense no que cada um faria e ganharia.

Atividades chave: Nesse campo você vai colocar qual é a atividade do seu negócio. É um curso de culinária? Então as atividades chave seriam as aulas.

Proposta de valor: Já ouviu falar em valor agregado? Isso é o que o cliente ganha ao adquirir seu produto. Por exemplo: quando você se matricula numa academia, você está comprando um corpo mais forte/magro, mais saúde, atividade física, etc.

Relacionamento com Clientes: Como você vai se comunicar com cada um dos seus clientes? O que você está oferecendo a eles? Vai enviar e-mails? Mensagens no WhatsApp? Um canal no Telegram?

Segmento de Clientes: Quem serão os seus clientes? Lembrando que você pode ter mais de um segmento. Por exemplo: um app de delivery tem 3 tipos de clientes. Os restaurantes/mercados/farmácias, os entregadores e os consumidores.

Recursos principais: Aqui você vai escrever o que você precisa para operar o seu negócio. Computadores, Internet, celulares, impressoras, etc.

Canais: Já pensou em quais serão seus canais de venda? Você pode ter um site, pode usar plataformas prontas como Mercado Livre, Amazon, Submarino, etc. Pode usar as redes sociais para vender. Todo e qualquer meio de comunicação e divulgação entra nesse campo.

Estrutura de Custos: Quais serão os custos para operar? Anúncios em redes sociais, montagem de site, etc. Vai precisar de funcionários? Vai comprar algum equipamento? O domínio do site, um designer, etc.

Fontes de Receita: Agora vamos falar de coisa boa! Como você vai ganhar dinheiro? O que vai vender? Por quanto? Vai ter mais de um produto?

Design Thinking

design thinking para negócio digital

O Design Thinking é uma boa solução para resolver problemas. Por exemplo: vamos supor que você tem uma loja física de roupas de criança e aí veio a pandemia.

O que fazer para não perder faturamento? Montar uma loja online!

Ok, mas como eu farei as entregas? Os correios estão em greve.

Aí você faz uma pesquisa e descobre todos os meios possíveis de entrega. Faz um brainstorm (uma chuva de idéias) e analisa cada uma das possibilidades e decide qual é a melhor opção para a sua marca.

Análise SWOT

análise SWOT para negócio digital

A Análise SWOT é uma ferramenta de marketing para auxiliar na visão da empresa diante de concorrentes e situações externas.

As forças são as vantagens que sua empresa tem. Você tem uma boa localização? Um nome fácil de lembrar? Muitos seguidores nas redes sociais? Pouca concorrência?

Já as fraquezas são as desvantagens. Concorrentes muito fortes no mercado? Custo de operação muito alto? No caso de uma loja física: não ter onde estacionar ou ser em uma rua de pouco movimento.

As oportunidades são aquelas que podem te dar uma mãozinha na hora de vender. Por exemplo a pandemia que acabou sendo uma boa oportunidade para quem tem cursos online e apps de delivery.

E por fim, as ameaças que são aqueles “inimigos” na hora das vendas. Por exemplo o que a Netflix foi para as locadoras. Nessa parte, você pode montar um Design Thinking para pensar em soluções para tais ameaças.

Nome

Já pensou num nome legal pro seu negócio? Esse nome precisa ser fácil de falar, de escrever e principalmente: de lembrar!
Seu nome pode remeter ao que você faz ou não.

Cuidado pra não escolher um nome que já existe! Isso pode te causar problemas depois. Pesquise bem na Internet antes de decidir o nome.

Faça uma chuva de ideias: pense em milhares de palavras que podem estar nesse nome, vai mudando as combinações até chegar em uma que você ame.

CNPJ

Nessa etapa, você provavelmente já tem uma ideia de qual será seu faturamento e baseando-se nisso você saberá qual o tipo de sociedade você deverá formar.

Atualmente são 9 tipos de sociedade existentes: Sociedade Simples, Sociedade em Nome Coletivo, Sociedade em Comandita Simples, Sociedade Limitada, Sociedade Anônima, Sociedade Comandita por Ações, Sociedade Cooperativa, Sociedade em Conta de Participação e Sociedade de Advogados.

Nesse link você pode entender melhor sobre cada uma delas.

Caso você seja o único sócio e tenha uma previsão de faturamento até R$ 81.000,00, você pode optar pelo MEI e ter menos gastos com impostos.

É muito importante estar regular com seu CNPJ para não correr o risco de ter problemas fiscais!

No próximo post teremos a continuação! Fiquem de olho aqui no Tips with Ana!

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui