Quinto mês de isolamento e bateu o desespero? Já está sonhando com o dia em que vamos poder viajar com segurança? Que tal começar a planejar sua próxima viagem agora e já deixar tudo pronto para se preocupar apenas em fazer as malas quando a pandemia passar? Mas como você pode planejar sua próxima viagem gastando pouco?

Checando as finanças

O primeiro passo para organizar uma viagem é verificar o orçamento que você tem disponível. Com base nisso, você poderá planejar tudo e tirar o melhor proveito possível da sua viagem sem se endividar. E sim! É possível viajar gastando pouco! A seguir você verá que existem opções de hospedagem e passagem para todos os bolsos.

Documentos

Como você vai viajar?

Seja qual for a forma, alguns documentos precisam estar em dia pra você não ter problemas.

Vai de carro? Não se esqueça do documento do carro, carteira de motorista e o IPVA precisa estar em dia.

Vai de ônibus ou avião? RG, CPF e certidão de nascimento dos filhos se tiver.

Caso queira ir pra outro país, o passaporte está em dia? Não basta não estar vencido. Para entrar em alguns países, a data de validade do seu passaporte precisa ser no mínimo 3 meses após a data da passagem de ida.

Caso você ainda não tenha um passaporte ou o seu esteja vencido, você pode resolver isso no site da Polícia Federal. Lá tem todo o passo a passo pra você agendar a sua solicitação.

Importante: Não compre sua passagem enquanto não tiver o passaporte em mãos e não deixe isso para última hora! Documentos podem demorar para ficarem prontos e você não quer perder a data da viagem, não é?

Visto: alguns países não exigem visto para brasileiros, mas fique atento a isso!

Na hora de viajar, tenha uma pastinha com seus documentos, passagens de ida e volta, reservas de hospedagem e tudo o que você pode vir a precisar.

Todos os documentos estão certos? Vamos para o próximo passo!

Escolhendo o destino

Já sabe pra onde quer ir? Caso você pense que fazer uma viagem internacional é muito caro, saiba que, dependendo do destino, pode ser mais barato ir para outro país do que ficar no Brasil. Existem países em que o câmbio é vantajoso e os custos de hospedagem e alimentação são relativamente baixos.

Você gosta de cidade, praia ou campo? Agito ou tranquilidade? Frio ou calor? Monumentos históricos, paisagens naturais, pontos turísticos famosos, gastronomia? Qual lugar é a sua cara?

Se baseando nisso, você pode dar uma olhada na Internet em fotos, pontos turísticos, coisas pra fazer e escolher o destino perfeito pra você fazer uma ótima viagem gastando pouco.

Comprando a passagem

Talvez você já tenha pesquisado passagens num dia e quando entrou de novo no site estavam mais caras.

Pra isso não acontecer, a primeira dica é: sempre que você for pesquisar preço de passagem, utilize a aba anônima do seu navegador (CTRL + Shift + N).

Outra dica importante: compre ida e volta juntas! Fica mais barato do que separadamente.

Quando você quer viajar? Comprar as passagens com antecedência vai te ajudar a economizar um bom dinheiro! Para viagens nacionais, o recomendado é entre 30 e 60 dias de antecedência enquanto vôos internacionais o ideal é entre 30 e 90 dias.

Além disso,  o dia da semana em que você quer viajar e o horário do vôo também interferem no preço. Afinal, todo mundo quer viajar na sexta-feira após o trabalho e voltar numa segunda-feira bem cedinho ou domingo à noite.

Se você quer economizar, verifique os preços em datas diferentes. Durante a semana as passagens são mais baratas do que aos finais de semana e aqueles horários que ninguém quer também custam menos (o primeiro ou o último vôo do dia, por exemplo).

Mas cuidado! Se você for fazer conexão, verifique se terá vôo no mesmo dia, senão você pode ter que acabar gastando com hotel ou dormindo no aeroporto.

Ative as notificações: Sabe aqueles sites e aplicativos de passagens? Ative as notificações e assine a newsletter. Promoções podem surgir a qualquer momento e você vai acabar encontrando uma tarifa ótima.

Encontrou uma promoção muito boa? Compre. Promoções não duram muito e você pode se arrepender depois.

Onde se hospedar?

Existem opções para todos os bolsos. Você viajar sozinho(a) ou com alguém? Se você for viajar com a família toda ou com amigos, pode ser uma ótima opção alugar uma casa/apartamento no AirBnB. Além de ficar mais barato do que vários quartos de hotel, vocês teriam a casa toda pra vocês.

Se você vai sozinho(a), um albergue/hostel pode ser uma ótima opção, pois além de gastar pouco, você ainda pode fazer amigos. Mas precisa estar disposto a dividir quarto e beliche, além de lembrar-se de não deixar nada de valor “dando sopa”.

Para encontrar um hostel bem legal, você pode usar o Hostel World. Lá você vai encontrar albergues em todos os lugares do mundo, poderá ver preços, fotos e avaliações de hóspedes.

Google Maps pra que te quero!

Antes de decidir onde se hospedar, verifique a localização. As vezes o barato pode sair caro pois você pode acabar gastando muito com transporte se optar por uma acomodação mais afastada.

Veja onde ficam os lugares que você quer conhecer. Procure saber o preço dos bilhetes de transporte público da cidade que você vai. Caso resolva viajar de carro, veja se vai conseguir fazer alguns passeios a pé, onde seria ideal estacionar e se você precisa de alguma coisa pra isso, como por exemplo o Estar aqui de Curitiba.

Tenha roteiros em mente. Isso vai te fazer economizar tempo, dinheiro e caminhadas!

Vai de avião ou ônibus? Pesquise como chegar do aeroporto/rodoviária até o lugar que você vai se hospedar com antecedência para não ficar quebrando a cabeça enquanto carrega malas pesadas.

E as refeições?

Comer em restaurantes o tempo todo pode acabar saindo caro. Dê uma passada no mercado e leve uns lanchinhos na bolsa quando for passear. Frutas, bolachas, sanduíches, barrinhas de cereal ou qualquer outra coisa que você goste e te permita passear por horas gastando pouco.

Se optar por um AirBnB, cozinhe em casa. Isso com certeza fará toda a diferença no custo total da sua viagem.

Planejamento é tudo!

Veja o quanto você tem disponível para gastar e divida isso pelo número de dias que sua viagem vai durar. O resultado é o quanto você pode gastar por dia. Assim você não corre o risco de gastar demais nos primeiros dias e ficar sem dinheiro no final da viagem e pode aproveitar a viagem do começo ao fim.

Idioma é uma barreira?

Quer ir pra fora do Brasil mas não fala o idioma do país de destino? Anote algumas frases coringa como “quanto custa?” ou “você pode me dar uma informação?”.

Anote palavras que você certamente vai precisar como nomes de comida, água e nomes de lugares.

Nem sempre você terá internet disponível para pesquisar e você não quer passar esse perrengue, né?

Além disso, fique de olho aqui no Tips with Ana! Sempre teremos muitas dicas que vão te ajudar muito com o Inglês.

Aproveite ao máximo!

Com a viagem toda planejada, agora é só esperar estarmos seguros novamente e aproveitar cada segundo da sua viagem!

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui